PRIMEIRACOMPRA10
Magnésio Dimalato 400mg 60 Cápsulas
Foto do produto Magnésio Dimalato 400mg 60 Cápsulas
Economize 14.05%
ESTE PRODUTO É MANIPULADO
Imagem meramente ilustrativa. Cada manipulado contém rótulo personalizado com as informações: nome do cliente, nome da fórmula, composição, posologia, e detalhes de fabricação assim como informações legais da farmácia e responsável técnico.
397850

Magnésio Dimalato 400mg 60 Cápsulas

à vista no PIX R$ 76,62

Mini Magnésio Dimalato 400mg 60 Cápsulas

Magnésio Dimalato 400mg 60 Cápsulas

De R$ 95,86 Por R$ 82,39

Problema ao enviar, tente novamente.

Você receberá um e-mail quando o produto estiver disponível

Benefícios:

  • Auxilia no tratamento da fibromialgia e fadiga crônica.
  • Auxilia na redução de câimbras e fraqueza muscular.
  • Ajuda a eliminar intoxicações por metais pesados como mercúrio, cádmio e chumbo.
  • Favorece a melhora da sensibilidade a insulina, reduzindo os níveis circulantes de insulina auxiliando no tratamento da diabetes.
  • Ajuda na prevenção e tratamento de vários transtornos cardiocirculatórios, cerebrais, TPM e inflamações.
  • Pode atuar como coadjuvante no tratamento de artrite, osteoporose, fibromialgia, diabetes e depressão.

O que é?

Suplemento de Magnésio associado ao ácido málico

A utilização dos suplementos de magnésio pode prevenir ou reduzir a gravidade das arritmias ventriculares com risco de vida que ocorrem com frequência após cirurgia de coração, principalmente devido ao seu efeito de estabilização da membrana e a capacidade de manter de potássio intracelular. Além disso, ajuda na síntese energética, evitando a fadiga, e no alívio dos sintomas da osteoporose.

Como age o ativo?

O Magnésio Dimalato, também conhecido como Dimagnésio Malato, é uma ótima fonte de magnésio e ácido málico com alta biodisponibilidade, ou seja, garantia de uma boa absorção pelo nosso corpo. A forma malato não reage com os ácidos gástricos e não provoca desconforto gástrico, o que ocorre com outras fontes de magnésio. O magnésio tem um papel importante na assimilação de cálcio e utilizado em inúmeras reações (relaxamento muscular, coagulação sanguínea, produção de ATP) enquanto o ácido málico (um ácido de fruta natural) participa da produção de energia.

O magnésio favorece a absorção do cálcio da alimentação e reduz a incidência de câimbras e fraqueza muscular.Ele é cofator para mais de 300
reações enzimáticas, sendo crucial para o metabolismo do ATP. É necessário para a síntese de DNA e RNA, reprodução e síntese proteica. Estudos demonstraram que pode ter benefícios como coadjuvante na prevenção e tratamento da osteoporose e na manutenção da saúde do coração. Além disso, demonstrou que a ingestão de dimagnésio malato duas vezes por dia durante 2 a 6 meses ajudam a melhorar significativamente os níveis de energia e a função muscular e ajuda a reduzir o nível de dor de pacientes com fibromialgia. Pacientes com fibromialgia possuem redução de oxigênio e dimagnésio malato demostrou benefícios significativos por melhorar a produção de energia.

Composição:

Magnésio Dimalato 400mg
Excipiente qsp 1 dose.

Modo de usar:

Tomar 1 cápsula, 2 vezes ao dia.

Venda sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a Resolução 586/2013 do Conselho de Farmácia. Consulte-o!

Validade:

4 meses.

Advertências:

  1. Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
  2. Imagens meramente ilustrativas.
  3. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto.
  4. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
  5. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Qualquer dúvida entre em contato com a Miligrama.
  6. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
  7. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
  8. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.
  9. Não deve ser administrado em crianças menores de 6 anos, devido ao risco de hipermagnesemia.
  10. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica.
  11. O uso do medicamento durante o período de amamentação também não é recomendado.
  12. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
  13. O magnésio interagindo com tetraciclina, ranitidina, cimetidina, dexametasona ou prednisona, diminui a absorção desses fármacos. Quando se fizer necessária a administração de qualquer um desses fármacos citados conjuntamente com o magnésio, recomenda-se administrar respeitando intervalo de 2 ou 3 horas entre um e outro.
  14. Use conforme indicado. Em dosagens excessivas, provoca depressão do sistema nervoso central e da atividade neuromuscular periférica. Os sintomas da hipermagnesemia incluem vasodilatação, tontura, confusão mental, perda de reflexos por bloqueio neuromuscular, fraqueza muscular, depressão respiratória, arritmia cardíaca, coma e falência cardíaca.
  15. "SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO."
  16. "Os resultados e indicações referentes ao uso desse produto foram avaliados e comprovados pelo fabricante deste insumo farmacêutico e outros estudos conforme descrito nas Referências. Não garantimos os resultados descritos, estes variam de pessoa para pessoa dependendo de diversos fatores como alimentação, prática de exercícios físicos, presença de outras patologias, bem como, o uso correto do produto conforme descrito na posologia.”

Referências:

1.Literatura do Fornecedor;
2.Treatment of fibromyalgia syndrome with Super Malic: a randomized, double blind, placebo controlled, crossover pilot study. J Rheumatol. 1995 May;22(5):953-8. Related Articles, Links, Russell IJ, Michalek JE, Flechas JD, Abraham GE.
3.Clin J Pain. 2001 Dec;17(4 Suppl):S86-93.
4.J Rheumatol. 1995 May; 22 (5): 953-8. Russell IJ1, Michalek JE, Flechas JD, Abraham GE. Tratamento de fibromialgia com dimagnesio malato: estudo duplo cego, randomizado, placebo controlado.